Carnaval

Confira algumas dicas para curtir o Carnaval com mais tranquilidade!

NOS BAILES, BLOCOS E COMEMORAÇÕES NAS RUAS E AVENIDAS

  • Procure carregar apenas dinheiro trocado e suficiente para suas despesas no dia, se não tiver bolsos, ande com uma pochete ou bolsa presa ao corpo, sempre na sua parte frontal;
  • Ande sempre com a cópia (de preferência autenticada) de algum documento de identificação, para evitar transtornos com as autoridades e também a perda dos originais;
  • Deixe jóias e objetos de valor no lugar em que estiver hospedado ou em sua casa;
  • Identifique previamente os postos policiais mais próximos ao local da sua comemoração para curtir com mais segurança e comunicar possíveis ocorrências;
  • Procure andar em grupos, pois os criminosos tendem a atacar pessoas que estão sozinhas;
  • Não leve máquina fotográfica muito cara, pois chama muito a atenção, dê preferência à descartável;
  • Evite levar celular, recomenda-se comprar cartão telefônico e utilizar os telefones públicos;
  • Combine previamente com seu grupo os locais de encontro;
  • Não aceite bebidas ou alimentos de pessoas estranhas, podem conter algum tipo de medicamento (calmante, veneno, boa noite cinderela, etc.) ou drogas, para que você fique vulnerável;
  • Evite se aproximar de brigas ou discussões e lembre-se: quando um não quer, dois não brigam;
  • Evite o uso e o descarte de vasilhames de vidro no circuito. Durante uma confusão, o vidro quebrado se torna uma arma;
  • Utilize apenas os caixas eletrônicos de locais movimentados e com segurança, como por exemplo, supermercados, shoppings centers, postos de gasolina, etc.;
  • Ao retornar ao veículo, observe bem ao redor do mesmo se não há ninguém suspeito e observe também se não está sendo seguido. Se estiver em dúvida, não pare e procure uma viatura ou posto policial, ou entre em um local público de movimento e peça ajuda com discrição;
  • Nunca é de mais lembrar: álcool e direção não combinam.

AO VIAJAR

  • O melhor seria não deixar a casa sozinha, mas se isso não for possível, peça a um vizinho ou parente visitar diariamente o imóvel, recolher as correspondências e verificar movimentos estranhos de pessoas rondando-a;
  • Não deixe as luzes acesas durante o dia, pois isso significa ausência de moradores. Se possível, instale um aparelho de fotocélula para acender e apagar as luzes externas à noite e de dia, respectivamente;
  • Deixe algum telefone de contato com um vizinho, parente ou amigo;
  • Não deixe as chaves na portaria em condomínios fechados ou edifícios;
  • É aconselhável que poucas pessoas saibam do sistema de segurança de sua casa.

EM RODOVIÁRIAS OU AEROPORTOS

  • Procure trocar o dinheiro somente em casas de câmbio ou bancos autorizados;
  • Utilize somente táxis credenciados;
  • Não exiba grandes quantidades de dinheiro, relógio ou jóias, pois despertam a atenção e o interesse dos ladrões;
  • Evite carregar passaporte e cheques de viagem e, em caso de extravio, comunique imediatamente a polícia;
  • Normalmente, as malas são muitas, então, não as perca de vista nem por um minuto;
  • Use etiquetas grandes e/ou coloridas que permitam a fácil identificação de suas malas nas esteiras ou balcões de entrega;
  • Não se descuide das bagagens de mão dentro do ônibus ou avião;
  • Não deixe a bolsa, carteira ou pacotes em locais abertos ao público sem a devida vigilância;
  • Evite fazer compras estando sozinho, pois os assaltantes aproveitam-se de qualquer vacilo;
  • Não entre em lojas muito cheias, procure fazer compras em horário de menor movimento, isso valendo também para ida ao banco;
  • Se portar um laptop ou notebook, não descuide dele enquanto compra um lanche, visita uma loja ou faz um telefonema. Os assaltantes acompanham a vítima e, ao menor sinal de desatenção do usuário, eles trocam a mala com o notebook por uma maleta falsa, que tem revistas ou um tijolo dentro para simular o peso do equipamento. A maioria das pessoas só se dá conta do furto muito tempo depois;
  • Em ônibus com pouco passageiros, prefira ficar próximo ao motorista ou ao cobrador.

SE ESTIVER COM CRIANÇAS

  • Alerta dobrado! Elas costumam ficar impacientes enquanto esperam e a qualquer descuido do responsável elas podem se perder ou mesmo serem sequestradas;
  • Devem ser identificadas (pulseira ou gargantilha tipo plaqueta com nome e telefone do responsável) e devem estar orientadas a procurar um policial caso estejam perdidas.

PARA APROVEITAR A VIAGEM

  • Evite andar por ruas, calçadões e praças mal iluminadas ou em horário muito avançado, principalmente em locais desconhecidos;
  • Caso precise pedir informações, procure alguém autorizado ou dirija-se ao balcão de informações. Não peça ajuda ou informações para pessoas estranhas;
  • É importante ter anotado o endereço de onde está hospedado e um número de telefone para contato;
  • Não reaja durante um assalto. Mantenha-se calmo, por mais difícil que possa ser. Algumas mortes ocorreram porque a vítima fez gestos bruscos, traduzidos pelo criminoso como uma reação contra ele. Lembre-se de que o assaltante está atrás do dinheiro ou pertence de valor e costuma atirar somente quando fica assustado ou acuado.

Contribuições: Grupo GR, No Minuto e Equipe Núcleo.